05/04/2018

“Não fosse o Senhor..."

Março de 2018

“Não fosse o Senhor, que esteve ao nosso lado, Israel que o diga...” Salmo 124:1

O verso 1 do Salmo 124, expressa a verdade, percebida pelo salmista Davi, da presença do Senhor com o seu povo no passado, fosse este passado recente ou remoto. Ao refletir a este respeito, é certo que Davi também confiava nesta mesma presença para o futuro. Em nossas vidas, ao considerar o ano que recentemente passou, e ao lembrar-nos da real presença de Deus conosco, temos a confiança de que em 2018 a presença do Senhor certamente não falhará. Não falamos de nenhum “mar de rosas”, mas sim da real esperança, também confirmada pelo nosso Senhor Jesus Cristo*. Que todos nós possamos desfrutar desta presença, antes mesmo, que qualquer situação, boa ou má, agradável ou desagradável, alegre ou triste, que possam vir a nós este ano. Isto fazemos por fé.

Notícias
Ao enviar nossas notícias referentes ao mês de março, mas já no mês de abril, damos muitas graças a Deus, por podermos celebrar mais uma páscoa e relembrar os fatos históricos, ocorridos a dois milênios atrás, mas tão relevantes, que permanecem vivos e nos afetam tão grandemente ainda hoje. Ler, escutar e ver apresentações sobre o tema, sempre nos ajudam a não nos esquecer do sacrifício que Cristo fez por nós, bem como da sua vitória sobre a morte, a qual nos garante a nossa própria ressurreição. Portanto estas lembranças têm um enorme efeito didático em nossas vidas, porque por elas, nós mantemos a nossa fé sempre viva.

Na última carta eu havia relatado sobre o acidente que nós havíamos sofrido com o nosso carro, o qual se deu no último dia do mês de fevereiro. Pois bem, somente no último dia 28 de março que ele saiu da oficina e já está em uso novamente. Assim, ficamos quase um mês sem o nosso veículo. Isto nos trouxe alguns pequenos transtornos, mas nada que pudesse ser considerado algo grave. Não foi necessário desembolsar nada em todo este processo, o que também foi muito bom.

Em meados do mês de março eu estive participando de um evento do Departamento de Assuntos Indígenas – DAI da AMTB, o qual ocorreu na cidade de Dourados – MS, nas dependências da Missão Evangélica Caiuá. Foi sem dúvida um tempo muito proveitoso, onde missionários estrangeiros, nacionais e indígenas estiveram presentes, compartilhando sobre o que Deus está fazendo entre nossos irmãos indígenas aqui no Brasil. Eu tive a oportunidade de falar sobre o Movimento Três Ondas e dar uma atualização do que está acontecendo. Também foi falado por um dos preletores sobre a possibilidade de se organizar um tipo de associação de igrejas indígenas, a fim que elas possam comungar, cooperar, ajudarem-se mutuamente e se protegerem de ataques e ameaças externas. Este é assunto muito importante, que deve ser estudado e conduzido pelo CONPLEI.

Eliane continua firme com as suas atividades. As segundas-feiras, ela participa de um grupo de mulheres voluntárias, a maioria delas, mulheres da alta sociedade de Joinville, que fazem juntas artesanatos, que são distribuídos em um hospital pediátrico da cidade. Ali ela tem podido ser sal e luz em meio a estas senhoras. Algumas vezes na semana ela visita o Hospital da Unimed, onde ela faz capelania, visitando os pacientes para orar e compartilhar o Evangelho com eles. Ela tem tido muitas oportunidades, em meio a pessoas enfermas, sendo que algumas delas estão em estagio terminal.

Nosso trabalho de cuidado de minha mãe continua. Deus tem sido bom para conosco em nos dar a força e a sabedoria para fazer isto, e também tem colocado pessoas para nos ajudar neste processo, pois seria impossível para nós fazer tudo sozinhos.

Sempre oramos por todos os que nos apoiam, quer orando, quer contribuindo, quer tendo qualquer tipo de interesse em nós. Sabemos que Deus mesmo os tem levantado e que a sua fidelidade é primeiramente para com Deus e depois para nós, assim como a nossa fidelidade é primeiramente para com Deus e depois para com todos vocês que nos apoiam. Assim, louvado seja Deus pelas vidas de cada um de vocês. Temos certeza de que o Senhor mesmo os recompensará pelo seu investimento em sua obra.

Pedidos de Oração
  • Somos gratos pela saúde e disposição para continuar servindo onde Deus nos tem colocado;
  • Somos gratos pelo sustento espiritual e material, que vem das bondosas mãos de Deus através das vidas de muitos irmãos;
  • Somos gratos pela sabedoria e discernimento em poder tratar de várias questões e situações, que algumas vezes são bem complexas;
  • Orem por nossas responsabilidades ministeriais, como pastoreio de missionários, Movimento Três Ondas, supervisão de missionários que trabalham na América do Sul;
  • Orem pelas atividades que Eliane desenvolve aqui em Joinville, são oportunidades muito boas;

Em Cristo,
Enoque e Eliane de Faria

Avatar
Publicado por Fernanda